Conecte-se a nós

Notícias

78 dias de Operação Veraneio

Published

on

Operação Veraneio mobiliza mais de 10,5 mil profissionais da segurança pública catarinense - Foto: Jaqueline Noceti / Secom/Divulgação

Para promover a segurança dos moradores e turistas de Santa Catarina, foi lançada, oficialmente, nesta segunda-feira (18), a Operação Veraneio edição 2017-2018 que, no total, vai mobilizar 10.545 profissionais, entre policiais militares e civis, bombeiros militares e técnicos do IGP, com atuação no Litoral e no interior do Estado. A operação abrange 61 municípios, sendo 29 balneários e 32 cidades com características turísticas como estâncias hidrominerais, fronteiras, entre outros. A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) projeta investimentos de R$ 33 milhões, valores utilizados no pagamento de diárias para os policiais transferidos de sua base para o Litoral, alimentação e pagamento dos guarda-vidas civis.

>>Três etapas de operação_ A pré-temporada iniciou-se no dia 5 de outubro; a alta temporada, no dia 15 de dezembro de 2017 e segue até 4 de março de 2018, com o maior reforço de pessoal por todos os órgãos da Segurança Pública; e, por fim, a pós-temporada ocorre entre 5 de março e 15 de abril de 2018. A Operação Veraneio vai durar 78 dias.

>>Atendimento aos estrangeiros_ Como uma das novidades deste ano, a Operação Veraneio terá a participação de policiais argentinos, resultado de uma parceria entre Santa Catarina e a Província de Missiones, na Argentina.

>>Proteção e inclusão social_ O Corpo de Bombeiros Militar realiza monitoramento, orientação e salvamento em praias e balneários. Atuarão, temporariamente, em Santa Catarina cerca de 1.500 guarda-vidas civis e serão movimentados outros 200 bombeiros militares. Projeto Acessibilidade, que leva para as praias pessoas com dificuldades de locomoção.

Comentários
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Instagram

Facebook

Anúncio

Rua Coronel Córdova, 84 . Centro . 88502-000 . Lages . SC . Brasil . Fone: 49 3221.3300 . correiolageano@correiolageano.com.br

CL+| Correio Lageano - Todos os direitos reservados ©