Conecte-se a nós

Esportes

5ª Bike Serra é tributo ao idealizador

Published

em

Foto: Camila Paes

A 5ª edição do Bike Serra foi marcada pela emoção e saudade. Quase um ano após a morte do idealizador, Severiano Hugen Júnior aos 36 anos em um acidente de carro. A esposa Tatiane Hugen fez questão de mais uma vez, realizar o famoso evento. Carregando o slogan de “o sonho nunca acaba”, a competição também serve como um tributo a Severiano, que era um apaixonado pelo esporte.

Nesta edição, 280 atletas se inscreveram. Cerca de 100 se inscreveram nas categorias Pro e 180 nas categorias Sport. Todos os participantes receberam medalhas de participação e os vencedores até a quinta colocação, recebem troféus. A premiação está marcada para acontecer às 14h, no Centro Serra Convention Center, no Bairro Universitário. Antes da largada, que aconteceu às 8h, atletas se reuniram para prestar homenagem à Severiano.

Tatiane revela que decidiu realizar a 5ª edição no final do ano passado. Entretanto, sem o marido, foi muito difícil. “O apoio no geral é muito difícil, mas não quero deixar acabar”, ressalta. A filhinha Isadora, 6, segue os passos do pai. Enquanto a mãe trabalhava na organização, a pequena aproveitou para percorrer o salão do Centro Serra em sua bicicleta cor de rosa.

Na categoria Sport, os competidores percorreram 40 km e na categoria Pro, 83 km. O trajeto passou pela região da Coxilha Rica. Neste ano, as inscrições foram menores que no ano passado. Tatiane explica que o frio amedrontou um pouco os participantes, já que em 2017, o evento aconteceu em maio, num dia chuvoso e de bastante frio. Outro problema foi a realização de outros eventos paralelos ao Bike Serra, o que afetou a adesão.

A mudança da data do evento foi uma decisão de Severiano, na edição do ano passado, para que o Bike Serra passasse a fazer parte do calendário do Festival Serra Catarina, promovido pela Câmara dos Dirigentes Lojistas de Lages (CDL).

O Bike Serra foi  planejado durante dois anos antes da realização para ser um evento de bicicleta pelos campos da Coxilha Rica. O desejo é mostrar para muitas pessoas o histórico corredor das tropas, subir e descer coxilhas, atravessar matas, cruzar rios e riachos de águas cristalina em uma terra com mais de 200 anos de histórias.

Dar a oportunidade para as pessoas conhecerem as belezas naturais dos campos de cima de serra, viver essa experiência fantástica de desafiar seus limites e superar as suas expectativas. Hoje, está conhecido como o maior evento de mountain bike da Serra Catarinense e ainda está entre os maiores eventos de bicicleta do estado de Santa Catarina.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: