Conecte-se a nós

Entretenimento

50 Tons de Liberdade pode ter pior estreia da trilogia

Published

em

Uma das cenas do último filme da trilogia é o casamento do casal protagonista - Foto: Divulgação

Na próxima quinta-feira (8), estreia em todo o mundo o filme que encerra a franquia 50 Tons de Cinza. Para isso, os cinemas já começaram a pré-venda dos ingressos para as sessões de 50 Tons de Liberdade, que deverão estar lotadas logo no primeiro dia. Entretanto, as primeiras previsões revelam que o lucro com a bilheteria não será tão grande quanto a dos primeiros dois filmes.

De acordo com a previsão divulgada pelo Deadline, a nova produção terá o pior fim de semana de estreia de toda a franquia. Para o lançamento, o lucro ficará entre US$ 37 milhões e US$ 40 milhões, algo em torno de R$ 119 milhões a R$ 128 milhões, valores baixos levando-se em consideração os dois primeiros longas. O primeiro filme, 50 Tons de Cinza (2015) estreou com US$ 85 milhões e acabou arrecadando US$ 571 milhões ao redor do mundo. Já o 50 Tons Mais Escuros (2017) estreou com US$ 46 milhões e arrecadou US$ 381 milhões ao todo.

A trilogia conta a história de Anastasia Steele (Dakota Johnson), uma mulher que aos 21 anos cursa a faculdade de Literatura e conhece o magnata Christian Grey (Jamie Dornan), após uma entrevista para o jornal da faculdade. Anastasia conhece, por meio de Grey, o mundo do sadomasoquismo, e os dois passam a ter um relacionamento conturbado.

A autora

O livro foi escrito por Erika Leonard James, que costumava escrever fanfics, narrativas escritas e divulgadas por fãs, que partem da apropriação de personagens e enredos provenientes de produtos midiáticos como filmes, séries, quadrinhos, videogames, etc., sem que haja a intenção de ferir direitos autorais ou obter lucros, da saga Crepúsculo. A mais famosa de seus trabalhos, Master of the Universe (em português, Mestre do Universo), deu origem ao que vinha a se tornar o 50 Tons de Cinza. Os livros da autora inglesa bateram o recorde de vendas em 2014, com mais de 100 milhões de cópias vendidas e a estadia por 100 semanas consecutivas na lista dos mais vendidos do The New York Times.

Críticas

Entretanto, todo esse sucesso não poupou a obra de receber críticas. Além dos comentários negativos sobre a qualidade do texto da escritora, muitos falaram sobre as similaridades com Crepúsculo, que também retrata o relacionamento da mocinha inocente com um homem misterioso e bonito. Além disso, os livros sofreram duras críticas dos movimentos pelos direitos das mulheres, já que em muitos momentos, o personagem principal mostra atitudes machistas e opressoras.

Em Lages

Mesmo com críticas negativas em seu histórico, o Cinemark em Lages já se prepara para receber o público fiel que acompanha, desde 2015, as estreias das adaptações para o cinema. A pré-venda dos ingressos, por exemplo, começou. Na madrugada de quarta-feira (7), serão quatro sessões do filme, duas legendadas e duas dubladas. Em todas, ainda há bastante opções de assentos disponíveis.

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: